quinta-feira, 2 de novembro de 2006

Music Hall


Na 3ª feira, os GNR comemoraram 25 anos de carreira, no Coliseu de Lisboa.

Sei que sou suspeito, uma vez que se trata do meu grupo favorito, mas arrisco dizer que foi uma performance notável de um conjunto que tem no seu vocalista, mais do que um cantor, um artista.

E, permitindo uma audição meramente pop ou a degustação de letras com conteúdo social (conforme o gosto de quem ouve), lá desfilaram Piloto Automático, Hardcore 1º escalão, Dunas, Valsa dos Detectives, Efectivamente, Morte ao Sol, Sangue Oculto, Sexta-Feira (um seu criado), Quero que vá tudo pró Inferno e por aí fora, em duas horas de boa música, com bons convidados (Legendary Tigerman, NBC e Sónia Tavares dos The Gift).
Aguardo com expectativa o próximo quarto de século do Rei Ninho...

3 comentários:

Rosa Moreto disse...

Capitão ninho (lol)!
Vejo que o concerto foi delirante... ;) Apesar de não serem nem de longe o meu grupo favorito merecem os meus parabéns. E sem dúvida têm pelo menos uma música que faz parte das minhas favoritas de todos os tempos - Dunas. Só por isso já merecem um beijinho...lol

Bjs

Luis Cirilo disse...

O que tem piada é a diversidade de gostos.
Senão coitado do...amarelo !
Confesso que para mim o melhor grupo de sempre da musica portuguesa foram os Trovante !
Terminaram prematuramente,do meu ponto de vista,mas a sua qualidade musical é imorredoura.
E ficou,para nos alegrar a alma,o imenso Luis Represas.
Presença continua e desejada no leitor de cd's do meu carro.
Mas tambem gosto dos GNR.Mesmo farto da Brigada de Trânsito...
E 25 anos de carreira são um marco importante.

Dulce Alves disse...

Eis um dos 'inconvenientes' de estar longe da 'minha' cidade das sete colinas: perder um concerto histórico como esse!

Tal como a Rosa, também não estão no top das minhas preferências musicais, mas "efectivamente", "dunas" e mais uma ou outra... são verdadeiras obras de arte do Rei Ninho e companhia!! ;)

E os convidados - a minha conterranea Sónia Tavares e Paulo Furtado(The Legendary Tiger Man, cuja performance em palco eu já tive a oportunidade de ver) - devem ter dado do concerto um toquezinho especial...