segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Coelhos, canela, casamento... CONGRESSO!!!

Prefácio:

Apesar das reclamações manifestamente infundadas, pois o incumprimento do estabelecido deu-se por terceiros, e nunca por causas que me sejam imputáveis e porque TRABALHO A SÉRIO (não há cá papers nem photos) aqui fica o tão esperado relato!!!


Aos 22 dias do mês de Novembro de 2008, por hora indeterminada - mas a rondar a hora de almoço - reuniu a Assembleia do Lodo, SAD (SAD: Sociedade anónima desportiva, e não SAD = triste em inglês... no PhD here, please!!!!), na Pá-teira de Fermentelos, local escolhido pela COC (Comissão Organizadora do Congresso) pela facilidade de acessos. Não tem nada que saber: A1, saída Aveiro Sul, esquerda, esquerda e já está... é só procurar o local do casamento!!! Sendo que, da lista de presentes constavam, o Capitão, a Doce Gata das Botas, o Casperzinho, o Morgadinho do Canavial, a Rómizinha, a Drª Sarinha, e o Engº Coelhinho JP - TUDO MALTA ILETRADA, MAS MUITO POLIDA (ninguém regurgitou no final da refeição)!!!

Apesar da ordem de trabalhos não ter sido igual para todos os congressistas, até porque os trabalhos iniciaram-se em locais - carros - distintos, terminando do mesmo modo, mas com todas as moções aprovadas, o gathering deu-se à hora do maior trabalho: o REPASTO (almoço para alguns, evento prandial para outros...)!

Com uma vista para uma paisagem de sonho, houve quem ingerisse um bacalhau com natas ou uma vitela à Lafões - adivinhem quem comeu o quê, para nos divertirmos!!! - e "buburicasse" um Dão, que não foi dado, mas que inspirou o resto da tarde. Ao fim e ao cabo, quisemos ter um papel de críticos gastronómicos e estivemos a provar e aprovar o catering do casamento.

E o que é o casamento senão a consumação abençoada de um desejo carnal inusitado!?!? NADA! Por isso a noiva veste de verde, normalmente nesta ocasião, na esperança que o noivo diga mesmo "SIM", e que não se canse dela num mês ou 2... E se se cansar?!?!? No ponto terceiro da ordem de trabalhos, o Capitão (já estou de pé) ensinou aos nossos juniores todos os termos relacionados com o acto de auto-satisfação do macho... Foi um momento inolvidável... Nunca mais olharemos para um palhaço ou um pessegueiro da mesma maneira!

Há, contudo, quem já estando casado e não tendo a chama da paixão no seu matrimónio, enfie o barrete - neste caso, chapéu, porque a ocasião o merece - sim, já passava das 15h quando se deu o enlace, e havia gente de chapéu... Mas nós preterimos o protocolo para tomarmos as dores dessa senhora e dos restantes convivas que comeram os restos do nosso bacalhau e da vitelinha!
Mas... o que acontece quando a rotina se instala na vida das pessoas!?!?!? Ora, o diário Jornal de Notícias, essa referência da imprensa escrita nacional, tem a resposta para esta e outras questões, dedicando-lhe diariamente página e meia de Crónicas para os leitores conjugalmente entediados... Compulsada a publicação, ficamos a saber que a crise também se instalara nos meandros das profissionais anti-rotina que, imagine-se, já só pedem 20 beijinhos em troca de conselhos matrimoniais experientes (pois algumas delas eram casadas e carentes!!!) e O... completos, até ao fim!!!

Certo é que, só com muita broa de canela se consegue digerir a falta de cultura e perspicácia das aquisições juniores do plantel... Ouvimos coisas de arrepiar. COMO É QUE ALGUÉM PENSA QUE O SENHOR PROFESSOR É O MARCELO REBELO DE SOUSA OU O VITAL MOREIRA?!?!?!?!? Senhor, perdoai-lhes que não sabem o que dizem... E soubera eu, nesse momento, que a Doce estava gata das botas, que tinha metido lá os "piquenos" e agitado vigorosamente... Andam todos baralhados! E até conseguiram empedrenir o saudoso Xico Sá (Carneiro... dah...), que com tanta falta de cultura ficou escuro de raiva e especado de tão incrédulo.

Mais valia emigrarem, e passarem a estátua!


É que nem uma bola de Berlim nos faz esquecer este tipo de sapos que engolimos "once in a while"!

E que boas que estavam... Fofinhas, com açúcar e canela, um creme divinal... Daquelas bolas de berlim que não encontramos em mais lado nenhum senão no Natário em Viana do Castelo - ou, em alternativa, no carro do JP, se lhe pedirem muito... E NÃO HÁ CÁ COMPARAÇÕES... Eu cá não sou de intrigas... MAS AINDA HOUVE QUEM INSINUASSE QUE HAVIA BOLAS DE BERLIM MELHORES DO QUE AQUELAS QUE UM ILUSTRE LODO LHE OFERTARA!!! - ponham alguém a escrever um paper sobre etiqueta e boas maneiras, por favor!!!

E com umas belas fotos, terminou o encontro, qual cimeira da Pá-teira, com a boa vontade de um local a ser directamente proporcional à sua falta de jeito para a foto... Amigo, alista-te nos psi!!!





(1.Os preliminares e pósliminares das viagens não foram redigidos para não ferir susceptibilidades e afins...
2. A foto das bolas está em posição intencional: é para nos dar a volta à cabeça!!!!)

7 comentários:

Gonçalo Capitão disse...

Genial, Dra. Sarinha.
Ganhaste o lugar na Administração da LODO, S.A.D., a título vitalício.

Ligaste para algum anúncio do JN?

Dulce Alves disse...

Ei-la, a melhor (leia-se: a mais hilariante!!)acta que já li!!! Quererás tu, Drª Sarinha, substituir-me nas assembleias de freguesia???????!!!! :) É que são muito, muito inspiradoras...!

Claro que, pese embora a magnificiência da redacção, ocultaste dados do Congresso... a estória dos coelhinhos, a tua tara pelas páginas da necrologia, etc. etc.! ;)

Rosa Moreto disse...

E não é que a lagoa adormecida (Pateira de Fermentelos para não haver dúvidas)inspira mesmo?? Subscrevo a sugestão da Doce das Botas ;) quanto às actas de assembleia de freguesia. É que às vezes nem com a Pateira a inspirar aquelas reuniões são produtivas :P (espero que o presidente da junta não leia o blog)

Quanto ao congresso, foi de facto revitalizador tanto para a lagoa como para a estátua, o Xico Sá até está com melhor cara (menos verde e mais alaranjado ;)

João Pedro Cruz disse...

Muito bom Sra Dra...
deste modo serás redactora vitalícia do LODO... ;)

João Morgado disse...

Bem, não sei se me devo sentir ofendido ou se me devo rir com tantas calúnias sobre os juniores do plantel. Deixe que lhe diga, Dra Sarinha, que se para alguns a idade é um posto, a regra infelizmente não se pode generalizar.
Sejamos sinceros, confundir o Sr. Professor com o Vital Moreira ou com o Marcelo Rebelo de Sousa não é um lapso, é ,isso sim, um elogio para o dito cujo.
Enfim, "mais do que isto é Jesus Cristo, que não sabia nada de finanças nem consta que tivesse biblioteca", mas deixo os assuntos que metem cristianismo e democracia pa Dra Sarinha, que é bem mais entendida no assunto.

Bia disse...

Sara ri... Morgadinho, não se sinta ofendido que eu não perco tempo (nem letras) com pessoas com as quais não simpatize - ISTO É UM ELOGIO!!!! Ok?!?!?

Sou da ala liberal, e anti-Igreja!

João Morgado disse...

Cara Dra Sarinha,
Longe de mim ficar ofendido, confesso que o comentário saiu mais "seco" que aquilo que pretendia inicialmente. Infelizmente só o constatei depois de publicado.
De resto, também as ironias saem trocadas à nossa querida Manela.