terça-feira, 19 de fevereiro de 2008

Boltei, Boltei, boltei de lá...

Sócrates entra numa casa de alterne e senta-se no balcão do bar, ao lado de uma linda alternadeira, e sussurra:
- " Você deve conhecer-me... Quanto quer para passar uma noite comigo? "

E ela responde:

- "Se o senhor conseguir fazer o seu pénis crescer como fez com os juros e mantê-lo teso como estão todos os portugueses, levantar a minha saia como está fazendo com os impostos, baixar as minhas cuecas como está fazendo com
os salários, mudar de posição como mudou na sua vida política e me f ... com tanto jeitinho como está a f... o povo português ... É DE GRAÇA!"

2 comentários:

Sara Barbot Roquette disse...

Desculpem... não resisti!

freitaspereira disse...

Historia piquante e com muito sabor!
Mas é normal, porque a "Roquette" (a salada, claro), come-se crua e é muito gostosa.

Quanto ao projetil (roquette ou rocket) também é penetrante e é auto-propulsado !
Perfeitamente em sintonia com a historia...

Desculpe: também nao resisti...

Extraordinario este "Blog" ...