terça-feira, 10 de julho de 2007

Quem é que vais desgraçar a seguir, Zé?

Depois de "enterrar" os Sub-21, os Sub-20 desaprendem de jogar à bola, com José Couceiro.

Mesmo que sejam campeões do mundo (assim espero), será pelo mérito de não ouvirem o treinador e pelo talento de cada um.

E a seguir, "assassinará" ele os Sub-17? Precatem-se, jogadores do meu País!...

7 comentários:

Ricardo Cândido disse...

Gonçalo, apesar de concordar contigo, tenho que te provocar...

Para aprender, por vezes, há que saber em primeiro lugar desaprender, algo difícil antes dos 20 anos.

Aprender não é fácil, no entanto, desaprender é muito mais difícil, mas para isso era preciso que o Couceiro soubesse alguma coisa, algo que duvido!!!

Como vês, o conceito de desaprender não é assim tão simplista!!!

Abraço

Gonçalo Capitão disse...

Irra! Deu-te para a filosofia?! :)))

O facto é que perdemos com o Chile e fomos eliminados.

Mas, como em Portugal o mérito é uma batata, pode ser que o Couceiro conserve o poleiro...

Luis Cirilo disse...

O Couceiro personifica uma verdadeira tragédia á portuguesa.
Quanto mais perde mais sobe...
Espero que um destes dias não vá parar á Briosa...

Ricardo Cândido disse...

A Briosa está muito bem servida com o Mister Machado.

Este Couceiro é, de facto, um personagem…
Consta que o Mister Cajuda sempre teve a ambição de treinar a selecção. Porque não uma troca: Couceiro no Guimarães e Cajuda nas selecções jovens…

Já que falamos de treinadores de futebol, quero partilhar convosco a minha admiração pelo Manuel Cajuda, passando a explicar, muito sucintamente o porquê…

Há cerca de dois anos, na altura era ele treinador da Naval, ía eu a caminho de Soure quando tive um acidente de viação “ligeiramente” aparatoso, que felizmente “foi só chapa”…
Na altura do acidente, o Mister Cajuda seguia no carro atrás, que após o embate contra uma árvore, ficou comigo (cerca de 40 minutos) à espera do reboque.
Mais, não tendo eu bateria no meu telemóvel, quando veio o reboque o Mister chegou ao ponto de me querer oferecer o seu telemóvel, para que eu pudesse contactar a minha família…
No final, deu-me o seu contacto telefónico e disse para eu lhe ligar caso precisasse de alguma coisa.
Nunca lhe liguei, mas terei sempre presente o seu gesto…

Gonçalo Capitão disse...

Apesar do bonito gesto, podes ligar-lhe a enxovalhá-lo por ser treinador do Vitória e... por nos ter ganho por 2 a 0, no sábado... :(

Bruno disse...

Ora aí está uma boa forma de se analisar Couceiro: marimbemo-nos nele e falemos de coisas mais interessantes! (como os gestos bonitos de Cajuda)

É que o homem não merece mesmo que se perca tempo a falar nele. O problema é que é treinador dos quadros da nossa Federação. E como se isso não bastasse ainda o deixam andar a dar cabo de várias selecções ao mesmo tempo...

Será que não dá para meter uma providência cautelar para impedir este senhor de treinar???

Ricardo Cândido disse...

Gonçalo...

Confesso que já nem sei onde coloquei o papel com o número de telefone do Mister...